Incentivo à Leitura

Em Inglaterra foi criada, em 2002, a instituição de beneficência ‘The Reading Agency’ (Agência para a Leitura) que nasceu da união de três pequenas organizações que trabalhavam com os bibliotecários na exploração de novas soluções para questões sociais causadas por problemas de literacia.

Eles sentiram que havia potencial para as bibliotecas públicas desempenharem um papel maior a ajudar as pessoas a tornarem-se leitores confiantes.

Dos vários programas da ‘The Reading Agency’, destacamos ‘Para a frente Leitura’, e ‘Desafio da Leitura de Verão’.

Pode ler também o artigo ‘Mike e Carlton adquirem o hábito da leitura’, que relata o impacto que teve quando um Pai começou a fazer leitura simultânea com o seu filho.

Mike e Carlton adquirem o hábito da leitura

Mike trabalha como guarda florestal para a Plymouth Community Homes. Livros, a leitura e especialmente ler em conjunto tiveram um impacto real sobre ele e o seu filho Carlton de seis anos, como Mike explicou recentemente:

Embora eu tenha lido livros na escola e conheça muitas pessoas que leem, ler nunca foi realmente minha ‘especialidade’. Na escola parecia-me uma tarefa difícil - algo que era preciso fazer, em vez de parecer divertido.

Depois de ter saído da escola, a vida ficou agitada e, ao fim de um longo dia, sentava-me e via televisão ou um DVD, e na verdade nunca lia um livro - muitas vezes achava difícil entrar na história.

"Pensei que seria bom para Carlton ver-me a ler"

Mas Beacon – o centro comunitário onde trabalho – tem uma biblioteca. Um dia, no ano passado, vi um bibliotecário a colocar cartazes incentivando as pessoas a inscreverem-se no Desafio dos Seis Livros (agora conhecido como ‘Para a frente Leitura). Entrei para saber mais e decidi que seria algo bom para eu e o Carlton fazermos juntos.

Pensei que seria bom para Carlton ver-me a ler. A leitura é importante para as crianças. Ele começou por ficar entusiasmado com a leitura na escola, mas depois afastou-se um pouco – ele é um garoto típico que gostava de estar na rua a subir às árvores ou dar pontapés numa bola de futebol.

Comecei por ler livros de ‘leitura fácil’. Isso, realmente abriu-me os olhos – descobri que após ler o meu primeiro livro, dava-me prazer tentar outro, e depois outro, e rapidamente descobri que tinha lido os seis livros que precisava para completar o desafio. Realmente não tinha lido muitos livros antes, mas participar neste desafio fez-me ver como é agradável a leitura. Isso deu-me um pontapé no traseiro: todos deveriam tentar!

O Desafio da Leitura de Verão

Entretanto, inscrevi o Carlton no ‘Desafio de Leitura do Verão’ (Summer Reading Challenge). Ele podia levar, da escola para casa, um livro durante alguns dias; eu encontrava-me com ele no parque e íamos para casa ler em conjunto.

Em agosto do ano passado, recebemos as fotos que nos foram tiradas a receber os nossos certificados na North Prospect Library, em Plymouth, por termos completado juntos o Desafio dos Seis Livros e o da Leitura de Verão.

Carlton ficou muito feliz por receber o seu certificado, e fazer o desafio fez com que ele voltasse a ler – de tal forma que, no final do ano passado, ele ganhou um prémio na escola por ler 100 livros! Eu sentia-me tão orgulhoso de estar na assembleia da sua escola a vê-lo receber seu prémio.

"Podes ganhar tanto a partir dos livros e da leitura"

Agora, além de trazer livros da escola para casa, o Carlton também traz livros da biblioteca. As suas leituras favoritas são livros de dinossauros e livros do Horrid Henry.

Eu não tenho muito tempo para ler, mas agora às vezes – em vez de ligar automaticamente a TV ou ver um filme – leio durante uma hora. Eu entusiasmei-me com os livros de Andy McNab. É tão interessante ler sobre como eles ficaram atrás das linhas inimigas sem serem apanhados, e sobre o que eles passaram.

Não tenham medo de pegar num livro. Experimentem. Pode não ser para si, mas se não tentar nunca saberá, e você pode perder muitas coisas novas. Você pode ganhar tanto a partir dos livros e da leitura!

Vou deixar Carlton ter a última palavra. Ele adorou fazer o Desafio comigo e diz: "Adoro ler livros".

Em: https://readingagency.org.uk/adults/impact/reading-ahead-case-studies/mike-and-carlton.html

 Sobre o Projeto ‘Para a frente Leitura’ 

Uma em cada seis pessoas tem dificuldades na leitura. No entanto, a investigação mostra que, quando inspiramos as pessoas a ler por prazer, elas beneficiam de oportunidades muito melhores na vida cotidiana, educação e emprego. Para a frente Leitura é a porta de entrada para essas oportunidades. Porque tudo muda quando lemos.

Para a frente Leitura apoia jovens e adultos mudando a sua perceção da leitura, abrindo oportunidades e construindo a sua confiança.

Através das bibliotecas públicas, organizações de aprendizagem de adultos, faculdades, locais de trabalho e prisões, o Para a frente Leitura convida os participantes a escolherem seis leituras e a registrá-las, classificá-las e analisá-las num diário para obter um certificado. O programa não é apenas sobre livros – é também sobre jornais, revistas e websites. O objetivo é que os participantes se desafiem a si próprios a tentar algo novo e a descobrir que a leitura pode ser um prazer. 

https://readingagency.org.uk/adults/quick-guides/reading-ahead/ 

Ver site da The Reading Agency: https://readingagency.org.uk/

 

 

Tópicos: Tags:
ler