• Analfabetismo e exclusão

    No Québec (Canadá) o analfabetismo é um problema que afeta mais de um milhão de pessoas e que tem o efeito de excluir uma grande parte da população da vida social, cultural, política e económica. O RGPAQ -...

  • Apetite para Aprender Vem com a Comida

    Uma pesquisa encomendada recentemente para o lançamento do Festival de Aprendizagem no Reino Unido revelou que quase dois quintos (39%) dos adultos gostariam de ser melhores cozinheiros e padeiros. Mas não é...

  • Educação de Adultos e Democracia

    Licínio Lima participou na Assembleia Geral da Associação Europeia de Educação de Adultos (EAEA), em Bruxelas, a 18 de Junho de 2014 onde deu uma conferência, na qual discutiu as suas opiniões sobre democracia...

  • Balanço da Educação de Adultos no presente

    A educação de adultos debate-se com um conjunto de problemas, alguns recentes, outros herdados do passado, nunca verdadeiramente superados, e que têm contribuído para a sua debilidade estrutural na sociedade...

Notícias
19 Abril 2017
A comunicação social alerta regularmente para a existência em Portugal de 500 mil pessoas analfabetas, dos quais 130 mil têm menos de 65 anos. A taxa atual de analfabetismo em Portugal é de 5,2%, o qu... Ler mais
Notícias
12 Abril 2017
O Projeto Rios começou em Portugal em 2005 e pretende dinamizar uma rede de grupos, a nível nacional, uma rede de grupos de monitores, parceiros e voluntários para promover a conservação e adoção de d... Ler mais
Notícias
06 Abril 2017
A literacia e a numeracia são fundamentais para a aprendizagem ao longo da vida e para o desenvolvimento sustentável. Um novo documento de orientação política publicado pelo Instituto da UNESCO para a... Ler mais
Notícias
31 Março 2017
Porque aprender também pressupõe formação e porque a própria formação pressupõe transformação a revista D & F - Revista para Gestores e Formadores do IEFP – Instituto Emprego e Formação Profission... Ler mais
Notícias
29 Março 2017
A Educação Ambiental para o Desenvolvimento Sustentável – EADS alastrou nas últimas décadas na Europa e no mundo perante a dimensão das crises, ambiental, económica e social. Abrange todas as problemá... Ler mais
Notícias
15 Março 2017
As bibliotecas, usadas estrategicamente, têm o potencial de desempenhar um papel chave na promoção de esforços nacionais de literacia, pois são geridas pelas pessoas das comunidades que servem e estão... Ler mais
5
2017-05-05

Nunca antes os cidadãos puderam, quer individualmente, ou através de movimentos, formais ou informais, fazer ouvir a sua voz, escrutinar o exercício do poder e envolver-se nos assuntos da coletividade com tanta facilidade. Todavia, também nunca estiveram expostos a perigos tão significativos. De facto, nunca havia sido possível manipulá-los, vigiá-los e violar a sua privacidade, bem como descredibilizar as opiniões críticas com tanta facilidade e impunidade.

Neste quadro, torna-se evidente a extrema importância da literacia dos media como condição de cidadania. Importa, pois, refletir sobre o contributo que esta pode dar para uma nova consciência do espaço público e sobre os desafios que este coloca àquela!

O 4.º Congresso Literacia, Media e Cidadania que se vai realizar nos dias 5 e 6 de maio no Porto propõe-se ser uma oportunidade para essa reflexão e debate.

O que é a Associação Direito de Aprender

Em Portugal a educação de adultos foi sempre o “parente pobre” das políticas e sistemas de educação, devido, em grande parte, à inexistência de um movimento social capaz de afirmar a sua relevância cultural e estratégica. 
Assim, várias pessoas envolvidas nas mais diversas práticas de educação e formação de adultos tomaram a iniciativa de criar a Associação “O Direito de Aprender” para promover e debater a educação/formação como um direito inalienável das pessoas adultas. 
Um dos primeiros passos desta Associação será a criação da revista “Aprender ao Longo da Vida” para divulgar e promover projectos relacionados com a educação/ formação de adultos e para implementar uma rede nacional dos que trabalham e se interessam por estes domínios, nos mais diversos quadrantes. 

A Associação tem como principais objectivos

  1. Promover a educação/formação como um direito inalienável das pessoas adultas, entendida como um instrumento de emancipação que permita promover em permanência o desenvolvimento pessoal, a coesão cultural e social e a participação cívica. 
  2. Produzir e distribuir publicações que divulguem e promovam actividades e experiências no âmbito da educação e formação de adultos, designadamente uma revista periódica que sirva de veículo privilegiado de comunicação entre as pessoas envolvidas na educação de adultos. 
  3. Elevar a visibilidade das boas práticas nestes domínios, identificar e debater problemas comuns e analisar e propor estratégias – nacionais, regionais e locais – visando o desenvolvimento da educação/formação de adultos, através de sessões públicas, seminários e colóquios. 
  4. Promover prioritariamente a formação de formadores/ animadores de adultos, tendo em vista a sua contínua formação pedagógica, cultural e técnica. 
  5. Estabelecer intercâmbios com associações, universidades e organismos nacionais ou estrangeiros que prossigam os mesmos objectivos.

Contacte-nos

Associação O Direito de Aprender
Endereço: APARTADO 30005 1350-999 LISBOA – PORTUGAL

E-mail: aprender@direitodeaprender.com.pt
Telefone: 933291118

NIF: 513121706